Seminário do Mestrado em Engenharia Geológica

1ª Parte => Trabalhos de Dissertação do Mestrado (MEG)

2ª Parte => Conferência "Risco em Arribas do Litoral"  por Sebastião B. Teixeira

1ª Parte => Trabalhos de Dissertação do Mestrado (MEG)
 

9:30

Avaliação do Potencial Mineiro das Escombreiras da Mina de São Domingos

Alexandre M. R. Vieira

Mestre em Engenharia Geológica da ECT - UÉ

 

10:00

Formulação de Pastas Cerâmicas a partir de Matérias-Primas Argilosas dos Concelhos de Vila Viçosa e Redondo para a Produção de Olaria Tradicional

Tiago F. L. P. Alves

Mestre em Engenharia Geológica da ECT- UÉ

 

10:30

Coffee / Tea break

 

2ª Parte => Conferência

11:00

Risco em Arribas do Litoral

Sebastião B. Teixeira

Doutor em Geologia Económica e do Ambiente – Universidade de Lisboa

Diretor da Administração da Região Hidrográfica do Algarve (APA)

(Conferência apresentada por António Chambel, ECT - Universidade de Évora)

 

Resumo: As arribas rochosas do Litoral constituem figuras geomorfológicas por vezes impressionantes e são quase sempre resultado de processos de erosão com grande dinâmica. Uma arriba é sempre uma estrutura em equilíbrio precário e, por isso, constitui um risco acrescido para o património e pessoas que circulem ou vivam nas suas proximidades. Com alguns acidentes graves ocorridos nos últimos anos, principalmente no Algarve, a população portuguesa tem hoje uma perceção mais acurada do que estas arribas representam em termos de risco para as suas vidas. Na sequência destes acidentes, o Estado atuou através de legislação e da disponibilização de técnicos da Administração Pública para tentar minorar ou mesmo evitar este tipo de acidentes. As ações concretas passam por inventários das arribas em risco, vigilância e sinalização das zonas de praia onde estes riscos são eminentes, e a construção de infraestruturas em áreas próximas de arribas foi muito restringida, sendo hoje praticamente impossível construir de forma legal em zonas consideradas de risco.

O Doutor Sebastião Braz Teixeira é um dos mais eminentes especialistas em arribas costeiras em Portugal. Tendo recentemente assumido um cargo de chefia de grande importância regional, como Diretor da Administração da Região Hidrográfica do Algarve, um organismo regional da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), tem coordenado, há mais de 20 anos, os estudos e intervenção nas arribas litorais algarvias, evitando seguramente muitas situações de maior risco em todo o litoral do Algarve.

Esta conferência faz referência aos diferentes tipos de arribas rochosas existentes em Portugal e mostra a ação de um geólogo na identificação de arribas em risco, e as ações de prevenção que podem ser implementadas para evitar acidentes graves.

 

 

Organização: Comissão de Curso do Mestrado em Engenharia Geológica | Departamento de Geociências da ECT - UÉ
De 04.05.2016 a 04.04.2016
09:30 | Anfiteatro 1 | Colégio Luis António Verney